Loading...

Um Verdadeiro Paraíso Perdido no Atlântico

"...POR ISSO EU SOU DAS ILHAS DE BRUMA ONDE AS GAIVOTAS VÃO BEIJAR A TERRA..."

Seguidores - PRESENÇA NECESSÁRIA PARA CAMINHAR...

PRESENTES DE AMIGAS

PRESENTES DE AMIGAS
SELINHO DA DINDA PARA MIM

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

CAMINHEMOS...

TROPEÇOS



Tropeços. Caminhos abertos a qualquer possibilidade de descoberta.
Várias vezes chego a um ponto que não pode ser considerado meta, linha de chegada. É, entretanto, a única tentativa. Vale por tantas chegadas.
Se pudesse, resolveria o roteiro da vida para mim, para você. Impossível , porém, chegar à concretização das necessidades individuais.
Caminho. Tropeço  ainda. Tropeço novamente. Ergo-me a custo. Revejo meu itinerário. Há uma bifurcação-surpresa. E agora?  Caminhar é fácil. Difícil é resolver por onde.
“Vem por aqui” dizem alguns. Não. De meus labirintos só eu sei.  Eu e mais ninguém. Talvez me perca dentro de mim mesma, porém, a partir de minha indecisão, encontrarei o meio certo para implodir tantas estruturas falhas. Não, não vou por aí. Deixem-me feito caminheiro errante. Haverá pedras no caminho. Meus pés hão de sangrar, mas haverá também sombra, haverá também o por-do-sol. Haverá manhãs.
Caminho sempre. Tropeços? Muitos. Mas serão sempre minha pista de decolagem.








Nenhum comentário:

Postar um comentário

SALVAÇÃO

SALVAÇÃO
SURSUNM CORDA! (erguei os corações ao alto)